segunda-feira, 25 de maio de 2015

Serra colorida












Fotos de A. Domingos Santos

1 comentário:

Anónimo disse...

Soberbas, as fotografias e a serra. Uma serra muito diferente daquela que nos acolhe no outono ou no inverno. Citando-me a mim própria, "sempre igual e sempre diferente, a serra transforma-se incessantemente: no variegado e na dominância das cores com que se veste, a acompanhar o fluir das estações; no fascínio do nascer e do pôr-do-sol; nas formas gigantescas e misteriosas das nuvens que adivinham tempestade e fazem sonhar com castelos e mundos mágicos; na pujança da vegetação das bermas a apoderar-se da estrada, na ânsia de acariciar os carros desprevenidos;na luminosidade e transparência da atmosfera e, em consequência delas, na extensão do horizonte e na nitidez com que se avistam os montes e terras distantes; no azul repousante do céu (...).

Bons passeios para todos.

Lisete de Matos

Açor, Colmeal