terça-feira, 21 de outubro de 2014

Foi há um mês o aniversário da União


Faz hoje precisamente um mês que a União Progressiva da Freguesia do Colmeal juntou os seus associados e amigos para comemorar os seus 83 anos de existência.
















 






Depois de uma visita à bonita cidade de Abrantes, com o seu casario antigo e ruelas estreitas do seu centro histórico que descem ao encontro do Tejo, em que a cultura e a arte se expressam das mais variadas formas, muitos dos participantes procuraram abranger as paisagens espectaculares que se espraiavam a perder de vista, lá do alto do castelo, da sua torre de menagem, excelente miradouro com uma panorâmica de 360º. O imponente castelo terá sido mandado construir por D. Afonso Henriques, no século XII e teve a sua importância estratégica na defesa milenar do território desde a Reconquista Cristã. No seu interior podemos visitar o Palácio dos Governadores ou dos Alcaides e a Igreja de Santa Maria do Castelo, outro imóvel de grande valor e um dos poucos exemplos da construção medieval que foram alvo de particular atenção e especial interesse por parte dos participantes. A partir do século XVI transformou-se em Panteão dos Almeidas, passando a albergar os seus preciosos túmulos mantendo ainda, na sua capela-mor, um notável núcleo de azulejos hispano-árabes.











O Jardim do Castelo com o rio Tejo como fundo é um espaço que convida ao passeio e ao desfrutar de bonitas paisagens. Com o tempo quente e o céu azul que melhor se podia desejar para passar um dia diferente?









Depois, foi rumar até ao restaurante onde nas suas agradáveis e bem cuidadas zonas verdes, junto ao enorme lago, foram servidos os aperitivos.






O almoço, com um excelente serviço e qualidade, decorreu num ambiente de franca cordialidade e de boa disposição, bem patente no semblante dos presentes.


O presidente da União numa breve intervenção lembrou o passado da colectividade, um passado com história de que todos se devem sentir orgulhosos e o respeito que merecem aqueles que lutaram pelo regionalismo em tempos tão difíceis.
A UPFC, a mais antiga associação regionalista da nova agregação de freguesias, continuará empenhada em desenvolver actividades relacionadas com a Natureza e de divulgação do concelho, como as caminhadas e a canoagem no Ceira; patrocinar passeios que permitam conhecer novas culturas e novas regiões; promover convívios que possam entrosar o espírito regionalista; consolidar várias acções de solidariedade e outras que possam ajudar a manter vivas antigas tradições.
Falou da necessidade de rejuvenescimento da massa associativa apelando aos pais e avós para proporem os filhos e netos de modo a não quebrar a ligação dos mais novos às suas origens e ao movimento regionalista.
Deu conhecimento da recente assinatura de um protocolo com a Fábrica da Igreja para a utilização do Centro Paroquial como Centro de Convívio e de Cultura.
Informou os presentes da sua disponibilidade e da equipa que lidera para continuarem a trabalhar por mais dois anos.



Seguiram-se Miguel Mendes que representava a Comissão de Melhoramentos de Aldeia Velha e Casais e a Casa do Concelho de Góis e Carlos de Jesus, presidente da União de Freguesias de Cadafaz e Colmeal que se referiram elogiosamente à União.



A tarde continuou animada e ninguém se fez rogado a dar um pé de dança. Depois do lanche o futebol também prendeu a atenção dos mais entusiastas pelo desporto rei.







A Direcção da União entregou uma placa alusiva ao associado José Nunes e felicitou-o por ter escolhido a companhia de todos para ali celebrar o seu aniversário. Mais tarde, a surpresa foi ainda maior quando confrontado com um bolo de anos decorado com uma linda fotografia do local mais emblemático da sua aldeia – a Cabreira.




A finalizar este memorável domingo todos os presentes se associaram à Direcção da União a cantar os parabéns. Sempre foram 83 anos!

UPFC
Fotos de Francisco Silva, A. Domingos Santos, Clara Costa e Carlos Gama
Apoio do Turismo de Abrantes