quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

Mostra e venda de produtos regionais e artesanato no Colmeal

Permitam-me que expresse aqui uma ideia que considero ser útil numa perspectiva de luta contra a desertificação em que todos estamos empenhados. Infelizmente na nossa freguesia já não há muita actividade económica, com exclusão da construção civil e do apoio aos idosos, mas ainda temos algumas pessoas que teimam em desenvolver outras actividades e que muitas das vezes têm dificuldade em escoarem os seus produtos. Refiro-me à produção de queijo, de mel, de artesanato de vários tipos (tapeçaria, lãs, casas em xisto e outro) e de alguns produtos agrícolas. No Soito e no âmbito de alguns convívios já promovemos pequenas iniciativas de venda destes produtos, o mesmo acontecendo no Sobral, mas estas são aldeias pequenas, que não têm a centralidade do Colmeal, que como sede da freguesia é o ponto de convergência de todas as aldeias. Face ao exposto penso que, caso a Direcção da União tenha disponibilidade para o efeito, seria uma boa ideia começarmos a promover com alguma regularidade uma espécie de feiras/mostras de venda destes produtos, sobretudo em datas em que um maior número de pessoas aflui às nossas aldeias. Às associações regionalistas (ou associações de aldeia, uma vez que o termos regionalista parece ter alguns anti-corpos), caberia promover o acontecimento junto dos nossos associados para ali se deslocarem e contactar os potenciais expositores/vendedores. E penso que este BLOG, para além de outros meios de comunicação tradicionais, seria um local adequado. Em meu entender a próxima Páscoa seria uma boa data para começar – por exemplo na Sexta–Feira Santa ou no Sábado, uma vez que Domingo temos a visita Pascal. Esta iniciativa só faz sentido se a UPFC aderir e então contactaríamos as outras colectividades para o efeito. Aguardo uma resposta vossa. Mais uma vez os meus parabéns ao Francisco Silva, ao António Santos e a toda a Direcção da União pela qualidade deste BLOG que começa a ser, sem dúvida, um verdadeiro órgão de comunicação local / regional. Cumprimentos e obrigado pela atenção. António Duarte

2 comentários:

Anónimo disse...

Aquando da caminhada em Junho de 2006 proporcionámos a venda de queijo nas Seladas. Em Novembro passado, pelo magusto, houve venda de mel. Temos sido portadores de encomendas para quem nos tem solicitado. Fazemos referências elogiosas ao artesanato local, como se poderá ver neste espaço de debate. Estamos disponíveis para colaborar em todas as iniciativas que visem a divulgação dos nossos produtos.
António Santos

Elisabete disse...

A Junta de Freguesia do Colmeal tem prestado algum apoio (não tanto, como se gostaria) aos artesãos locais, através da participação na FACIG que se realiza em Agosto de cada ano, na Vila de Góis. Este apoio tem passado por, em nome da autarquia, ser cedido um stand, para venda de alguns produtos locais, como mel, queijo, casinhas de xisto, trabalhos em croché, entre outros.
Também existe a ideia entre um grupo de pessoas jovens (poucos porque também não os há) e menos jovens, de se constituir uma pequena associação de artesanato local, com os objectivos: apoiar quem ainda faz artesanato, recuperar algumas "técnicas/artesanato" que se perderam no tempo e criar um espaço onde se possa mostrar e vender os trabalhos lindos que as gentes do Colmeal ainda produzem bem como o mel, queijo, etc....
Deixo uma sugestão: entre as Colectividades, a Junta e este Grupo de Pessoas que já existe, de uma forma informal, haver uma colaboração mais estreita para levar a “ideia” do Senhor António Duarte avante. Pessoalmente, acho-a fantástica e que vai ser um sucesso, apesar de ir dar muito trabalho, mas sem trabalho, nada se consegue.
Já agora, deixo os meus parabéns à União, nomeadamente às pessoas responsáveis por este BLOG, pela iniciativa de mostrar a nossa bela Freguesia e também as “Recordações do Passado”.